Os 3 elementos essenciais de um bom vilão


Eu adoro vilões, principalmente, quando estão muito bem desenvolvidos e quando são aquelas personagens que, simplesmente, amamos odiar. É algo que se torna inevitável porque a esperança faz com que acreditemos que vai haver ali uma reviravolta e a personagem vai-se redimir e passar a ser boa. Quando isto acontece, sabemos que estamos perante uma excelente personagem.

Estas personagens são compostas por 3 elementos essenciais:

  1. Vulnerabilidade -  Podemos estar perante a personagem mais sórdida, mais malvada, mais horrorosa do mundo mas, se dormir agarrado ao ursinho de peluche que lhe foi oferecido pela pessoa que ele mais amava no mundo quando era criança já há ali qualquer coisa que o torna mais interessante.
  2. Credibilidade - Um bom vilão é bastante mais interessante se existirem outras personagens que acreditam nele, que o consideram digno de confiança e que no fundo até consideram que ele tem boas intenções.
  3. Invencibilidade - Ora bem, uma excelente Némesis não pára por ninguém. Nunca. É uma daquelas personagens que nunca mas, nunca desiste e dá uma trabalheira ao protagonista. Aliás, se não der trabalheira ao protagonista, não presta.   
Conclusão: um bom vilão pode ser doido mas, é humano... bom, quando o é. Às vezes pode não ser humano.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os sete pilares da sabedoria ( T.E. Lawrence) - versão PDF